Cálculo de iluminação Método do ponto a ponto.

Olá queridos leitores,

Hoje vou falar um pouco sobre o cálculo para iluminação do método ponto a ponto, que

serve para calcular qual grau de abertura uma lâmpada deve ter para que tenha um

diâmetro desejado no plano, qual a quantidade de luz vai ter numa determinada

superfície ou qual sua potencia para que isso seja alcançada.

Vamos começar por uma fórmula pequena:

Cálculo de iluminância perpendicular à superfície.

A distância “d” entre a fonte de luz e o objeto a ser iluminado.

E = I / d²       ponto

Onde:

I= Intensidade luminosa (cd= candela, unidade de medida da lâmpada de foco,

quantidade de luz numa única direção,geralmente informada pelo fabricante) lançada

verticalmente sobre o ponto considerado.

abaaaformai-0.jpg                Lei do inverso do quadrado da distância

Esse método demonstra que a iluminância (E) quantidade de luz definido pela norma

ABNT definida por quantidade de Lux, é inversamente proporcional ao quadrado da

distância.

Exemplo:

Calcular a iluminância de destaque de uma oja sobre o balcão. Lampada utilizada:

Halogena OSRAM DECOSTAR 51 50W – facho de luz 10°.

calc. luz

Consultar o catalogo com as informações do fabricante:

calc. luz1

Aplica a fórmula : E = I / h²     Intensidade luminosa da lampada: I=12.500cd (fornecida

pelo catálogo)  Altura: h= 3,70m

E =  12500/3.70²     E = 913 lux

Considerando-se, por exemplo, que a iluminação geral dessa loja é de 500lux, temos um

fator aproximadamente 2:1.

Outro exemplo para saber qual grau de abertura a lâmpada deve ter:

Qual será o angulo de facho da luz de uma lampada AR111 para que consiga iluminar

uma área de 70cm de diâmetro, a 4m de distância?

form. ponto4

Solução:

α = 2 . arc tg  r/d

α = 2 . arc tg 0,35/ 4,00

α = 10° 

Assim, você acha o ângulo de abertura da lâmpada que deve ter para que consiga

iluminar o diâmetro desejado.

 

 

 

Cálculo de iluminância NÃO perpendicular à superfície.

Depois, você precisa de umas regrinhas da trigonometria, chamada

->Razões trigonométricas:

Fazendo assim, tendo como base um triângulo retângulo, que relaciona a semelhança

entre triângulos,  ( ΔBEA, ΔCAE, ΔACB) para demonstrar o teorema de Pitágoras, podemos

definir algumas relações que envolvem os ângulos (α = alfa) e (ß = beta) do triangulo

retângulo. São eles o Seno, Co-seno e a tangente. Definimos essas linhas trigonométricas

da seguinte forma:

trigo

Se a incidência da luz não for perpendicular ao plano do objeto, como um plano de

trabalho, a fórmula passa a ser:

Sendo Eh= Iluminância horizontal.

Ev= Iluminância vertical.

form. ponto    luminotcnica-parte-2-clculos-39-638

Exemplo:

No caso abaixo, aplica-se a formula:   E = Iα . cos³ α / h²  

e depois aplica:     I = (cd/1000) x F 

I : Intensidade luminosa em candelas

F : Fluxo luminoso da luminária em lm ( lúmens)

ponto1.jpg

Com esse tipo de luminária:  PHILIPS TBS 050-M2 para 02 lampadas fluorescentes

tubulares ECO MASTER de 32w com 2.700 lúmens cada uma.

calc.-luz4.jpg

->Curvas fotométricas

Cada luminária tem sua curva fotométrica (CDL) com as respectivas intensidades

luminosas:

potno3

 

 

 

 

 

Os fabricantes sérios informam gráficos onde as curvas são expressas em candelas (cd)

por 1000 lúmens (lm) de acordo com os ângulos de incidência (0 à 180°) nos sentidos

transversal e longitudinal da luminária.

Para calcular a iluminância em um ponto na mesa situado a um ângulo de 30°, temos

que a Intensidade luminosa ( I ), tirada do gráfico é de 240 cd (candelas).

ponto4-e1553100954670.jpg

Como os valores no gráficos são padronizados a cada 1000 lúmens, temos:

I = (cd/1000) x F 

I : Intensidade luminosa em candelas e  F : Fluxo luminoso da luminária em lm ( lúmens)

Então, nosso exemplo:

I = (240/1000) . (2 . 2700)

I = 1296 cd (candelas)

Aplicando a fórmula:     E = Iα . cos³ α / h²  

E = (1296 . Cos³30°)/2²       E = 210 lux

Caso o nível mínimo recomendado pela norma fosse 500lx, uma luminária nessa posição

e com essas características não seria suficiente para iluminar a sala para o trabalho.

 

Por hoje é só pessoal, não é difícil, apenas trabalhoso…

Qualquer dúvida é só me mandar um e-mail : mary@arquiteturadailuminacao.com

Obrigada e até a próxima.

Beijos Ma.

 

 

 

 

 

 


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s